terça-feira, 5 de março de 2013

Entre amor e amizade.

Sobre um pulo na cama, assimilei o som que vinha de batidas em minha janela que dava para a escada de incêndio,respirei fundo e segui até ela. Por mais que minha mente lutava em pensar em qualquer outra hipótese, sabia que era você como de costume batendo a minha janela. Dito e feito!Fez a careta mais infantil que já vi e esperou eu me desarmar em sorrisos e abrir a janela. Pulou para dentro do quarto já desatando a gargalhar.
- Mirella, me esperando  com o melhor traje.Mas que honra. - seus olhos voltados ao meu pijama de verão da cor mais clara possível.
- Nem em meu sono mais profundo eu estava contando com você está noite, Pedro. - por mais que desejasse ele naquela noite,não confessaria abertamente.
 Pedro tem essa mania,aparecer de madrugada na janela do meu quarto querendo conversar qualquer besteira,as vezes quer meus beijos, tem vezes que me quer por inteira e vezes que a gente só fica rindo até eu pegar no sono. 
Ele chegou de mansinho querendo me dar oi da forma mais sedutora possível e ele conseguia seduzir facilmente, e o maldito sabe disso. Me abraçou forte e dando um beijo no canto dos meus lábios senti o perfume que ficaria impregnado nos meus lençóis na manhã seguinte, algo que eu adoraria. Me contou algumas aventuras que aconteceram antes de ele bater na minha janela,o que não prestei muita atenção por que estava admirando seu cabelo castanho bagunçado fazendo par aos olhos verdes e barba por fazer, o assunto era algo a ver com garotas que ele saiu e não gostou e a única coisa que me prendeu a atenção foi: "Tu me fascina de uma maneira que nenhuma outra consegue, guria..." gargalhei e abaixei os olhos como se desacreditasse em cada palavra. 
- Não fingi achar que não é verdade,tu sabe que é!
E então ele deu um passo a frente, encostando-me contra a parede até nossos corpos se alinharem.Era evidente o desejo entre nós,enquanto uma mão estava em minha face em um gesto de proteção a outra escorria por entre minha cintura juntando o pano do pijama até chegar a pele nua de meu torso, os dedos frios dele tocaram minha carne quente e suspirei em um volume baixo.Eu o ouvia tentando manter a respiração normal,mas sabia que estava fazendo um esforço bárbaro.Me arrastando até a cama sussurrou em meu ouvido: "Você é maravilhosa, a melhor.."
Eu o encarava maravilhada,cheia de desejo. Por suas carícias,seus beijos,seu toque frio me dando arrepios, o cheiro da sua pele em meu rosto. Podia sentir o seu perfume me fazendo desejar mais ainda ele, enquanto sentia emaranhar os dedos em meu cabelo me dando um beijo quente e longo. Se eu nunca cheguei a amar alguém, estava chegando o mais perto do amor naquele instante. Deixamos a tentativas de nos conter nos primeiros 15 segundos e já estávamos entregues um ao outro da maneira mais maravilhosa que eu já vi. Temos a ligação mais bela que já tive, e na noite fria de junho nos esquentamos. Completamos a noite juntos.
Ao final das vias de fato, antes de dormir sussurrou em meu ouvido em um tom tão baixo que pensei ter imaginado o que me disse: " Amo você,menina..."
Acordei com o sol banhando nossos corpos, observei ele dormindo e sabia que era a melhor imagem que eu poderia ter em um domingo de manhã. Também sabia que logo ele acordaria, acabaria com o meu cereal e se mandaria para a casa dizendo que me ligaria a tarde e óbvio que ele ligaria. Sempre liga pra falar umas bobagens e combinar de beber durante a noite. E é isso que eu mais gosto nele, é esse companheirismo eterno,nesse amor camuflado que temos... desse melhor amigo que também não quer nada sério mas que sente o mesmo que eu. Não temos nenhum compromisso mas nos pertencemos. 
Vai me ligar dizendo: 
"Vamos sair pra beber hoje a noite, faremos um brinde a nós, melhor amigo...melhor amor!"

5.3.13

4 comentários:

  1. Abandonei meu blog logo que você encontrou ele, mas agora estou de volta. E estou surpresa. Adorei o post, mas li diversas vezes a frase: "As vezes quer meus beijos, tem vezes que me quer por inteira...". Consegui sentir daqui Mirella e Pedro. Já tem uma leitora. ;-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado e por ter voltado. Bem vinda ao blog, Mirella e Pedro são explosão de energia ne? haha :)

      Excluir
  2. Ai Pe, você e esses textos maravilhosos. Você sabe descrever cada cena, palavra, de modo com que faz que imaginemos e as visualizemos em nossas mentes. Minha parte preferida foi ''Ao final das vias de fato, antes de dormir sussurrou em meu ouvido em um tom tão baixo que pensei ter imaginado o que me disse: " Amo você,menina...". Muito lindo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É tão bom saber que você gosta de vir aqui.. fico muito contente com isso. Esses dois me rendem bons textos viu, haha. Obrigada Hélvio.

      Excluir